segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Bolo de limão cravo


Estive, neste final de semana, num sítio onde o limão cravo abundava no pé. Precisamos colhê-los, pois alguns ja mostravam bicadas de passarinho. O limão cravo é uma fruta que, apesar da aparência pouco atraente (tem a casca manchada e rugosa), tem um aroma perfumadíssimo e um sabor diferente do limão tahiti (na minha opinião o limão cravo é BEM mais gostoso). Por isso, de posse de 3 dúzias de limão cravo que trouxemos, parti em busca de receitas com limão na internet.
Comecei com a óbvia limonada, mas apenas 2 limões foram usados nessa empreitada (muito pouco). Descobri então uma receita de bolo de limão que usava 1 xícara do seu suco - opa! Resolvi fazê-la e o resultado foi de fato muito bom. A única coisa a observar é que eu deveria ter observado a recomendação da receita original e usado as 2 xícaras e meia de açúcar, pois a grande quantidade de suco empregada na massa lhe confere acidez acima do normal. Eu poderia também ter corrigido a doçura usando a calda indicada, mas estava muito apressada para ir ao cinema e acabou não dando tempo. Outra diferença em relação à receita original: não juntei as raspinhas de limão. As fotos serão postadas em breve.

Eu fiz da seguinte forma:

Bolo de limão cravo
3 ovos separados
2 xícaras (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) cheias de margarina
1 xícara e meia de farinha de trigo
1 xícara de maizena
meia xícara de suco de imão cravo puro
1 caixinha de creme de leite (usei o Italac e gostei muito da textura)
1 colher (sopa) de fermento em pó

Bati as gemas com o açúcar e a manteiga. Adicionei a farinha e a maizena, alternando com o creme de leite e o suco de limão, batendo apenas até misturar e ficar homogêneo. Desliguei a batedeira e juntei delicadamente as claras em neve e o fermento em pó.
Assei em forma untada e enfarinhada, forno médio pré-aquecido, por cerca de 40 minutos. Deixei amornar, desenformei em um prato e polvilhei açúcar de confeiteiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário